programação para crianças

À medida que o mundo passa por uma quarentena que ainda é indefinida, estamos nos acostumando a lidar com tédio. E esse tédio invariavelmente acaba caindo no colo dos pais – além de ter que gerenciar seu próprio tempo dentro de casa, ele também precisa dar atenção ao filho. Se você se encontra nessa situação, a Casa do Sol tem uma solução, que vem ganhando cada vez mais popularidade: programação para crianças.

Esse período é uma ótima oportunidade de seus filhos começarem a aprender a programar/codificar, uma habilidade muito importante no século XXI (seu computador, televisão, vídeo game, celular… Tudo isso depende de programadores). Apesar de estar no nosso dia a dia, muita gente ainda se pergunta porque apostar na programação para crianças com seu filho. A gente vai te explicar.

Por que programação para crianças é importante?

First things first: o que é codificação e por que todo mundo está falando sobre isso?

A codificação se mistura com a nossa vida cotidiana. Esse próprio post depende de uma codificação. Seu Netflix, reserva de ingressos de cinema, de voos, pedidos de delivery… Tudo isso é possível com apenas alguns toques graças à codificação. Além disso, ao vermos como a tecnologia está avançando e transformando tudo ao nosso redor, pode-se dizer com segurança que quase todos os trabalhos no momento exigem alguma forma de conhecimento em informática. E a possibilidade de os trabalhos que surgirem em um futuro próximo exigirem pelo menos uma codificação básica, explica a importância da programação para as crianças.

Programação para o futuro do seu filho

A geração de hoje – a Alpha, que inclusive já falamos aqui sobre – está crescendo na era da tecnologia onipresente, incluindo computadores e a Internet. Hoje em dia, as crianças sabem como desbloquear telefones celulares, jogar e assistir a vídeos antes mesmo de falarem corretamente. À medida que crescem, sua proficiência no uso da tecnologia aumenta ainda mais. Quantas vezes você já pediu ajuda ao seu filho/sobrinho para mexer em algo do celular?

Apesar desse fácil manuseio, a maioria deles não sabe o que acontece no back-end que lhes permite tudo isso com tanta facilidade. Não ter consciência de como uma determinada coisa acontece tende a fazer com que você se torne escravo daquilo – gradativamente, se torna tão dependente dessa determinada tecnologia e do modo que ela funciona que se perde a capacidade de pensar e funcionar sem ele. Se as crianças aprendem a codificar, elas podem se salvar dessa armadilha.

O mercado já dá sinais de que a programação é importante para uma carreira de sucesso

Esse é só um dos muitos benefícios da programação para as crianças. Também há de se ressaltar outro grande benefício é a chance de se fazer uma carreira promissora. De acordo com uma análise de 26 milhões de vagas de emprego da Burning Glass, cerca de metade dos empregos que pagam US$ 57.000 ou mais por ano estão em ocupações que geralmente exigem que os candidatos tenham pelo menos algum conhecimento em codificação de computadores. Em média, os trabalhos que exigem habilidades de codificação pagam US$ 22.000 a mais por ano do que os que não o fazem. Esses tipos de ocupação também estão entre as dez mais bem pagas. Ou seja: daqui uns anos, dizem especialistas, saber programar será uma necessidade básica para se posicionar bem no mercado.

Até agora, observamos os benefícios de aprender a codificar sob uma perspectiva de carreira. Mas e o crescimento pessoal de seus filhos?

Codificação ensina uma nova forma de resolução de problemas

Eles não ficam para trás. Os benefícios de aprender a codificar são muitos. Você ensina as crianças a programar seus próprios jogos e site e, consequentemente, estimula a criatividade e as habilidades cognitivas. Além disso, estudos revelam que programação para crianças melhora a memória e aumenta a capacidade cerebral.

As crianças que aprendem a codificar adquirem habilidades de resolução de problemas e se relacionam melhor com o mundo ao seu redor. Mas como isso?

Com a programação para crianças, nenhum problema será tão grande que não possa ser resolvido

A codificação envolve essencialmente pegar problemas maiores e dividi-los em problemas menores e mais simples. Quando se acostumam, as crianças vão crescer fazendo o mesmo com os problemas da vida. Assim, essa atividade os ajuda a lidar com problemas que aparentemente são assustadores com mais facilidade e eficiência.

Aprender a codificar pode ser uma excelente oportunidade para uma família se relacionar e se divertir. Dessa forma, quando as crianças aprendem a codificar também em casa dos seus próprios computadores, os pais podem acompanhá-las nessa atividade produtiva e divertida. Com isso, você terá uma forma de conhecer melhor o seu filho e as suas habilidades.

Outro benefício de aprender a codificar é que isso aumenta a confiança do seu filho nele próprio. É o que acontece, por exemplo, com as crianças que fazem teatro – imagina juntar codificação e artes, o quão completo como pessoa seu filho irá se tornar?

Além disso, aprender a programar ajuda ainda nas habilidades matemáticas e também melhora o desempenho acadêmico geral.

Programação para crianças: plante hoje e colha amanhã

Portanto, aprender matemática, português e biologia, por exemplo, é de extrema importância para entender o mundo em que se vive. Entretanto, estamos num mundo cada vez mais tecnológico, em que gadgets se fazem presentes no nosso dia a dia. Ensinar programação para nossas crianças de hoje, é capacitá-las ao mundo de amanhã da melhor forma.

Ou, como diz Bill Gates:

Aprender a escrever programas amplia sua mente e ajuda você a pensar melhor, cria uma nova maneira de pensar sobre as coisas que considero úteis em todas as áreas da minha vida.

Bill Gates